Escolha uma Página

Florianópolis, a ilha da magia, possui diversas atrações turísticas para quem quer viajar e fazer algo diferente. Até mesmo os moradores da região podem aproveitar as atividades que a cidade proporciona.

E você, já conhece as principais atrações turísticas de Florianópolis?

Continue lendo que vamos mostrar para você!

Principais atrações turísticas de Florianópolis

Rodeada por belas praias e com a comodidade de uma grande metrópole, atrações turísticas é o que não faltam em Florianópolis!

A seguir, vamos listar as principais atrações turísticas de Florianópolis para que sua viagem possa ser planejada da melhor maneira possível.

Ponte Hercílio Luz

Quando pensamos em Floripa, logo vem em nossa memória a imagem da Ponte Hercílio Luz. 

Logo na entrada da cidade, se você vier à Florianópolis de carro ou ônibus, em instantes irá se deparar com a imensidão de uma das maiores pontes pênseis do mundo.

No dia 30 de Dezembro de 2019 o monumento mais emblemático de Santa Catarina se tornou novamente acessível para cidadãos e visitantes, após 28 anos de interdição total.

Também há esportes de aventura, como saltos de bungee jumping, tirolesa, pêndulo humano e rapel. A maioria está concentrada na cabeceira continental da ponte.

Não deixe de visitar o mirante situado no Parque da Luz, proporcionando uma das mais belas vistas panorâmicas do centro da cidade. Planeje-se para chegar no fim da tarde, pois poderá curtir o pôr-do-sol e ainda observar a Hercílio Luz à noite, quando a ponte ganha uma iluminação especial.

Mercado Público de Florianópolis

Também na entrada da cidade, localizado no centro, o Mercado Público de Florianópolis é um dos lugares mais visitados pelos turistas que querem provar algumas iguarias locais.

Com um ambiente descontraído e dezenas de restaurantes lado a lado, os frutos do mar reinam na maioria das mesas em diferentes receitas. Ostras frescas, casquinhas de siri, tainha frita e as clássicas sequências de camarão são alguns dos pratos mais requisitados. Tudo isso acompanhando de boa música.

Praça XV e Catedral Metropolitana

Ainda no centro da cidade, temos a Praça XV, um refúgio arborizado no centro da cidade. Em meio a tantas árvores, uma chama a atenção: a figueira centenária, que impressiona por seu tamanho e beleza.

Bem em frente à praça, outro atrativo, a Catedral Metropolitana de Florianópolis (Matriz Catedral de Nossa Senhora do Desterro). A atual igreja foi construída em 1908, mas o local abrigava antes uma antiga capelinha, erguida em 1678 pelo fundador da cidade, o bandeirante Francisco Dias Velho.

A catedral conta com um grande acervo de arte sacra, como a escultura “Fuga para o Egito”, talhada em Tirol, Áustria, pelo artista Demetz. Ela abriga ainda um órgão de tubos alemão, inaugurado em 1924. O edifício é patrimônio tombado pelo Estado e pelo Município.

Palácio Cruz e Souza – Museu Histórico de Santa Catarina

Em frente a Praça XV temos o Palácio Cruz e Souza, com seus quase 300 anos. Já foi sede do Governo do Estado e atualmente abriga o Museu Histórico de Santa Catarina. O acervo do museu é dedicado a contar a história de Santa Catarina, com peças interessantes, como a primeira lâmpada elétrica do estado. Um bom lugar para ir nos dias de chuva em Florianópolis.

Beira-Mar Norte

Para quem está rumando para as praias do norte, Lagoa da Conceição ou bairros centrais, a parada na Beira-Mar Norte é obrigatória.  O calçadão da Beira-Mar Norte fica, entre a avenida mais movimentada da cidade e o mar, possui uma estrutura ampla de lazer, com pistas de caminhada e ciclismo. A dica é alugar uma bicicleta e aproveitar a vista. Junto ao trapiche, tem alguns quiosques para matar o tempo e a sede, além de feirinhas de artesanato.

Bairros Históricos

Com suas arquiteturas do século XVIII, alguns bairros ainda guardam a presença da cultura açoriana. Em uma caminhada por localidades como Santo Antônio de Lisboa e Ribeirão da Ilha é possível perceber o modelo tradicional das vilas portuguesas, onde há uma praça, com a igreja no alto, cercada por casas geminadas, com uma ou duas ruas principais em paralelo com o mar e poucas ruas transversais.

Ainda há restaurantes de diversos estilos, seja com mesas na beira da praia, com decks ou vista panorâmica, todos especializados em frutos do mar, tornando esses bairros os principais roteiros gastronômicos de Florianópolis.

Fortalezas Históricas

As Fortalezas de Santa Cruz de Anhatomirim e de Santo Antônio de Ratones foram tombadas como Patrimônio Histórico Nacional pelo Iphan desde 1938. Com suas arquiteturas monumentais, eram parte de um sistema projetado para defender a sede da Capitania contra as investidas estrangeiras. Deste modo, Santa Cruz de Anhatomirim e Santo Antônio de Ratones foram construídas em ilhas menores ajudando a formar um triângulo de fortes que protegia a entrada da Baía Norte, completado pelo Forte de São José da Ponta Grossa, que foi construído na própria Ilha de Santa Catarina. 

As duas fortificações, que possuem a gestão e a guarda sob responsabilidade da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), são compostas por diversas edificações que serviam aos diferentes usos da logística militar.

Em visita aos fortes, os turistas se deparam com baterias de canhões em terraplenos, quartel da tropa, casa do comandante, portada, paiol da pólvora, entre outras. 

É importante destacar que as fortalezas de Santa Cruz e Santo Antônio têm acesso somente com barcos uma vez que estão localizadas na Ilha de Anhatomirim e Ilha de Ratones Grande, respectivamente.

Portanto, para conseguir acesso às fortificações, é necessário realizar o passeio com as Escunas Pirata, que possui exclusividade neste passeio.

Trilhas

O que não falta em Florianópolis é trilha!  Mesmo quem não está acostumado com a prática pode se aventurar em trilhas mais curtas e de fácil acesso.

A trilha para as Piscinas Naturais da Barra da Lagoa, por exemplo, dura cerca de vinte minutos e é super acessível.

Um pouco mais longa, porém sem grandes dificuldades, é a Trilha do Gravatá, caminho que vai da Praia Mole à Praia das Galhetas, esta última a única de nudismo da cidade. A Trilha leva cerca 45 minutos para ser completada e possui alguns trechos de subida íngreme que pede paradas para tomar fôlego.

Porém, nenhuma destas te exigirá tanto esforço quanto a conhecidíssima Trilha para a Lagoinha do Leste. Acessada somente por caminhada ou por barco quando a maré está boa, a Lagoinha do Leste é uma praia selvagem que por si só já valeria a visita. Como se não bastasse isso, chegando lá você pode fazer mais uma trilha até o topo do Morro da Coroa, que é onde você terá um dos visuais mais lindo da ilha.

Praias e mais praias

Se não faltam trilhas, praias muito menos!

E tem para todos os gostos! Das mais badaladas, como Jurerê Internacional e Canasvieiras, até praias paradisíacas, como a Ilha do Francês.

Para quem gosta de surfar, então? O leste da ilha de Florianópolis é cercada por belas ondas. Fica a dica para as praias da Joaquina, Campeche, Barra da Lagoa e Praia Mole.

Então, agora que você já conhece as principais atrações turísticas de Florianópolis, é só fazer as malas e vir curtir a ilha da magia!